Site e Sistema para Imobiliárias e Corretores de Imóveis
Barra da Tijuca - Rio de Janeiro - Tel: (021) 2495-7370

Marketing

5 estratégias de marketing para imobiliárias

Investimento em comunicação pode apresentar boas possibilidade ao setor

O mercado imobiliário foi um dos segmentos que mais sentiu os efeitos da recessão econômica dos últimos anos, mas isso não significa que ele não proporcione boas oportunidades de lucro e de crescimento. No entanto, para conseguir um bom posicionamento, as empresas precisam buscar a diferenciação da concorrência e, nesse sentido, investir em campanhas e ações de marketing que efetivamente deem resultados positivos é essencial para um bom resultado.

No cenário atual, não basta somente trabalhar bem a praça e fazer publicidade, mas entender como o público de interesse se comporta e focar suas ações de modo a comunicar-se com ele de maneira eficaz. Tecnologias e ferramentas variadas ajudam as empresas a conhecer melhor seus clientes em potencial. No segmento imobiliário isso não é diferente.

O mercado imobiliário residencial, por exemplo, registrou um aumento de 9,4% em 2017, uma taxa bastante significativa quando se considera o cenário de retração comercial. Além disso, uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios (ABAC) aponta que houve um acréscimo de 4,6% nas compras de imóveis a partir de consórcio nos primeiros cinco meses de 2018, o que destaca também a necessidade das empresas em considerar formas alternativas de crédito em suas transações.

A seguir, 5 ações de marketing para imobiliárias, segundo especialistas do SDI (www.sistemadeimobiliaria.com.br), empresa focada em arquitetura online:

1. Criar uma imagem satisfatória aos olhos do público

Para atender a um determinado grupo de clientes e satisfazer suas expectativas, é fundamental ter uma imagem que esteja em confluência com as ideias e necessidades desse segmento. Por isso, o primeiro passo de uma boa estratégia de marketing é estabelecer bem qual é seu público-alvo e qual é a melhor forma de estabelecer uma relação positiva com ele.

Não se trata somente de firmar-se como uma empresa respeitada e confiável, mas de expressar os mesmos valores e ideais que os seus consumidores. No caso imobiliário, atrelar à imobiliária noções afetivas – como familiares e de amizade – pode ser interessante para empresas com foco residencial, enquanto ações que destaquem mais a agilidade e a modernidade pode ser mais interessante para foco em clientes comerciais.

2. Investir em CRM

CRM, ou Customer Relationship Management (sigla em inglês para Gestão de Relacionamento com o Cliente), é o conceito que se refere a todas as formas, estratégias e ferramentas de gerenciamento e análise de interações com o cliente. A utilização de um sistema bem estabelecido e sistematizado evita avaliações subjetivas e imprecisas, garantindo ao mercado imobiliário a exatidão necessária para bons resultados com os clientes.

“Utilizando o CRM de forma efetiva, é possível aumentar a quantidade de relações e parcerias, otimizar processos e ainda ampliar a abrangência dos serviços da empresa”, explica Mônica Lage, gestora do SDI.

 

3. Buscar mídias diversificadas

As redes sociais e a internet são oportunidades bastante amplas e que exigem investimentos relativamente baixos, mas elas não precisam ser vistas como a salvação dos negócios. Para obter os melhores resultados possíveis, a dica para as imobiliárias é alocar os recursos em várias mídias, de modo que atinja a maior quantidade de públicos possível.

Flyers e brochuras podem ser uma excelente opção para clientes mais conservadores e tradicionais, ao passo que um investimento maior em ações de interação social, como eventos de apresentação de imóveis e apresentações variadas, são boas opções para atrair públicos mais descontraídos.

4. Investir na divulgação boca a boca

A possibilidade de se comunicar diretamente com cada consumidor em potencial, gerada pela internet, acabou por reduzir aos olhos de algumas empresas a importância da tradicional propaganda boca a boca. Contudo, como a compra ou a locação de um imóvel é uma transação significativa, muitas pessoas ainda optam por indicações de conhecidos e familiares.

Para garantir um bom resultado nesse setor, vale a pena dedicar um tempo para o pós-venda ou qualquer outra transação, demonstrando aos clientes a preocupação com eles e não deixando a empresa cair em seu esquecimento.

5. Utilizar plataformas imobiliárias

Existem atualmente diversos sites e aplicativos de transações imobiliárias. Ao contrário do que muitos pensam, eles não são um entrave, mas aliados ao marketing do segmento. Isso porque, além de aumentar a visibilidade dos produtos, ainda possuem ferramentas próprias de comunicação e interação com o público, o que permite o aumento das potencialidades de cada imobiliária.

Matéria completa em > Exame

https://exame.abril.com.br/negocios/dino/5-estrategias-de-marketing-para-imobiliarias/